sábado, outubro 21, 2006

ANPEC Gera Traumas

Algumas coisas que aconteceram comigo desde a metade de julho, quando eu começei a estudar direto pra prova da ANPEC, que aconteceu nessa semana, na quarta e quinta feira:

- Esse blog foi jogado às moscas, pela qualidade dos posts anteriores;

- Engordei um monte, e tudo parece que se acumulou na barriga;

- Dormia não mais que seis horas diárias na maioria das vezes, e não só por estudar a noite toda, mas também por causa de insônia movida pela ansiedade;

- De tanto tomar café preto pra não dormir em cima dos livros e dos cadernos, desenvolvi uma azia crônica;

- Passei os dois dias de prova com aceleração cardíaca e dor no peito, o que também não me deixou dormir direito nesse período;

- Passei dias sem sair de casa, pegar sol e me comunicar com outros seres humanos;

- Minha vida social, com exceção da formatura, do Ereco e de um reencontro com amigos dos tempos de Colégio Anchieta, se resumiu a ir às aulas e jantar com os meus pais;

- Estou com uma cicatriz na testa, por ter apoiado a cabeça na ponta da lapiseira enquanto estudava;

- Fiquei com olheiras maiores do que as do Frankenstein e os olhos mais vermelhos do que os do Marcelo D2 (e isso que eu nunca fumei maconha);

- Qualquer senso de humor foi para o espaço;

- Me sinto um velho rabugento, desses que pensam nas coisas boas que já fez na vida como partes de um passado remoto;

- Depois da prova, precisei de muita cerveja e de um copo inteiro de whisky Jack Daniels pra me acalmar um pouco;

- Hoje me deu cãibra no tornozelo, mas não sei se tem relação com a ANPEC. Deve ter.

E ainda:

- Me ralei na prova de matemática: quase tudo que estudei nesses três meses não caiu na prova;

- A prova objetiva de Economia Brasileira estava absurdamente detalhista;

- Tenho que agüentar chatos perguntando o tempo todo: "E aí, como foi na prova? Acha que dá pra passar na USP ou na UNB?"

Pelo menos:

- A formatura tava afuzel, consegui reunir todos os parceiros de Xis-Lombo e Cerveja Polar da Lima e Silva para a minha recepção;

- Participei do Ereco (Encontro dos Estudantes de Economia da Região Sul) como palestrante (de terno, gravata e tudo), e conheci muita gente legal, principalmente a Denise, da UFPR;

Pra finalizar:

Pessoal que quer ser cineasta, tenho uma idéia: já que aquele cara norte-americano filmou a sua vida durante um mês em que só comeu no Mc Donalds (Super Size Me, eu acho), por que não fazer um filme contando o que acontece na vida e na saúde de um estudante para a ANPEC? Ou seria violento demais?

9 comentários:

Amy disse...

Ok, Ricardo, farei o documentário sobre tua vida durante a ANPEC, conseguiste me persuadir!!!!
Nah, tá certo, não tem comparação, mas eu tbm passei mais ou menos por isso na época de vestibular....
Fiquei com olheiras enormes, no meu caso, perdi uns 5kg, dormia muito pouco, tomava muito café, desenvolvi uma psoriase que se manifestou por causa do meu sistema nervoso - a qual terei de tratar pelo resto da vida (não tem cura)- não saía mais com amigos, passava todos os dias, iclusive sábados e domingos estudando.
RESULTADO:
Tirava notas ótimas nos simulados, com médias muito boas, no dia do vestibular, fiquei nervosa e não tive um desempenho muito bom, me ralei na maldita matemática, que eu tanto estudava, fiquei apenas um ponto acima da média, e fui a número 70 na classificação.
DEPOIS DISSO:
Iniciei a faculdade e levo uma vida normal, ou não? hehehehehhe
Bem, creio que eu faria tudo denovo.
MAS E AÍ RICARDO, COMO TU FOI NA PROVA?
HEHEHEHEHHEHEHEHE
eu odiava qdo me perguntavam isso tbm.
É do jogo, amigo, é do jogo.
E comenta no meu blog
hehehehehe

Denise disse...

;)

Ricardo Agostini Martini disse...

Dae, Denise!

Ricardo Agostini Martini disse...

Essa semana, vou voltar a fazer crítica literária. Preciso aliviar minha cabeça, e ler coisas não-ANPECanas.

Amy disse...

tá bombando o blog, hein?

Amy disse...

http://www.saudevidaonline.com.br/artigo65.htm
essa coisa aí...
hehehehehehehe
coloca em imagens no google pra ver
hehehehehhe
eu tenho esse negócio no couro cabeludo, praticamente na nuca... mas eu trato, não se manifesta faz tempo

Ricardo Agostini Martini disse...

Vi as fotos... me deu uma fome!!!

rsrsrsr

Denise disse...

e são boas as críticas literárias, daria até pra pôr nos sites de resumos para vestibular. já pensou em fazer isso? solucionaria o problema de ser um problema social

"¬¬

Ricardo Agostini Martini disse...

O problema é que cursinhos pré-vestibular procuram críticas já prontas para as obras definidas como leitura recomendada. Eu prefiro muito mais me deter nos detalhes que mais me despertaram a atenção em cada livro.

Mas gostei muito da sugestão! Vou ver se esses sites aceitam.